insectos e afins…

Posted in mumentus with tags , , on 2010/03/12 by António J. S.

aceda aqui às 75 fotografias…
aguarde alguns momentos para que as fotografias sejam lidas…

Anúncios

pensamento intermitente…

Posted in mumentus with tags , , , on 2010/03/03 by António J. S.


Não sou nada.
Nunca serei nada.
Não posso querer ser nada.
à parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo.
(
Fernando Pessoa)

aceder aqui às 29 fotografias…
aguarde alguns momentos para que todas as fotografias sejam lidas…

ode à infância perdida…

Posted in mumentus, Uncategorized with tags , , , on 2010/03/02 by António J. S.

Ecoa um gemido rouco
apático o coração
Esvaia-se um olhar vazio
e tímidos gestos que são
sinónimo de um amanhã
tingido pelo negrume
oco de esperança e  pão.
Ergue-se um corpo a crescer
com a vida a passar-lhe à volta
combalido de  tristeza
sem saber o que é revolta
que morre antes de nascer.
É, pois, urgente inventar
algo que não seja em vão:
um Mundo digno e justo
onde a Infância  a sonhar
jamais seja abandono
com odor a solidão.

(Lourdes Custódio)

a fotografia e o poema foram publicados na revista DP – Arte Fotográfica nº 22 (Fevereiro de 2010), subordinada ao tema Imagens com Palavras…
um beijinho à Lu, que escreveu este magnífico poema para a fotografia.

aceder aqui às 39 fotografias…
aguarde que as setas para a esquerda e direita apareçam…
sinal de que todas as 39 fotografias estão lidas…

promessas…

Posted in mumentus with tags , , , on 2010/02/27 by António J. S.

Escuteiros Marítimos do CNE – Agrupamento 235 da Figueira da Foz

Não quero ficar na memória das gentes
Devido a riquezas que saiba guardar,
Prefiro lembranças, quiçá mais decentes,
Nascidas das causas que soube abraçar.

 
Não quero tornar-me modelo de alguém
Por ocas palavras, discursos à toa,
Prefiro tornar-me lembrança de quem
Escute em meus versos a alma que ecoa.

 
Não quero sentir sedução pelos mundos
Que não reconhecem os homens de bem,
Nem mesmo respeitam a fé de ninguém;

 
Prefiro guardar sentimentos, profundos,
De paz e justiça, partilha e amor,
Tornados premissas dum mundo melhor.
(Vítor Cintra)

aceder aqui às 91 fotografias…

vigília…

Posted in mumentus with tags , , , on 2010/02/26 by António J. S.

Escuteiros Marítimos do CNE – Agrupamento 235 da Figueira da Foz

aceder aqui às 52 fotografias…

poemas de fim de tarde…

Posted in mumentus with tags , , on 2010/02/21 by António J. S.

aceder aqui às 38 fotografias…
aguarde alguns momentos para que as fotografias sejam lidas…

entre o céu e a terra…

Posted in mumentus with tags , , on 2010/02/19 by António J. S.

Vi uma estrela tão alta,
Vi uma estrela tão fria!
Vi uma estrela luzindo
Na minha vida vazia.

Era uma estrela tão alta!
Era uma estrela tão fria!
Era uma estrela sozinha
Luzindo no fim do dia.

Por que da sua distância
Para a minha companhia
Não baixava aquela estrela?
Por que tão alta luzia?

E ouvi-a na sombra funda
Responder que assim fazia
Para dar uma esperança
Mais triste ao fim do meu dia…
(Manuel Bandeira)

aceder aqui às 31 fotografias…
aguarde alguns momentos para que as fotografias sejam lidas…